Friday, September 3, 2010

Problemas com as creches

Não gosto de ficar falando de notícias chatas e trágicas, como o post da babá que pegou 8 anos de prisão.

Entretanto, sinto uma enorme necessidade em dividir com vocês todas as informações que acabam chegando até mim.

Hoje, a dúvida fica em relação a seguranca nas creches ou "day cares" como são conhecidos por aqui. O blog Motherload do jornal NY Times que eu amo, publicou hoje um post sobre abuso sexual em crianças nas creches.

De acordo com um estudo feito pelo Children's Advocacy Center em Denver, Colorado, 1 em 4 meninas e 1 em 6 meninos sofrerão algum tipo de assédio até os 18 anos.

Essa informação é aterrorizante. Se por um lado temos pavor em deixar nossos filhos com uma babá qualquer e preferimos a segurança de uma creche, quem garante que na creche, as crianças estarão realmente seguras?

Nada é garantido.

Sinto pelas milhares de mães que precisam trabalhar e não possuem alguem de confiança para deixar seu filhos...só mesmo nas mãos de Deus.

5 comments:

Marcia Lima Gomes said...

Lamentável e, sobretudo, assustador! Meu filho nunca frequentou uma creche mas, cedo ou tarde, ele vai para a escolinha. Qual é a situação das escolas? Será que é tão diferente assim? Penso que não... Infelizmente, essa realidade triste da pedofilia também acontece no Brasil. Uma prima minha passou por uma situação de real perigo, mas, felizmente, nada aconteceu. Beijos.

Paty said...

Paula, por isto que eu optei por uma baba. Varios day cares aqui sao family owned (aprovados pelo Governo), e eu preferiria algo mais institucional. Em todo o caso, como fico muito em casa estudando, tenho a possibilidade de supervisionar a baba e sempre estar ao lado da Barbara. Obrigada por dividir estas noticias, nem tudo sao flores, e precisamos estar alertas! bjs

Carol P said...

Pois eh Paula, tem babah ruim, tem creche ruim, e por incrivel q parece tem mae ruim tambem. Ou ninguem nu ca viu loucuras de pais e maes na tv ou jornais.
Realmente eh uma tarefa dificil escolher a babah ou creche ou escola perfeita.
Mas cedo ou tarde as criancas tem que descolar das maes e ir a escola, e lah tambem acontecem coisas ruins como bullying e outras coisitaas. E pq sao maiorzinhos nao significa que vao contar para os pais o que esta acontece.
Complicado neh
bj

Carla Cavellucci Landi said...

Paula,
Este eh um risco que existe em qualquer lugar, muitas vezes ate na propria familia, por mais (me falta a palavra correta para descrever essa 'coisa"..) absurdo que possa parecer. Tive uma amiga que foi abusada ja adolescente pelo tio, enquanto a mae estava na mesma casa!
Logicamente nosso receio eh sempre a crianca que nao sabe se defender.
Minha opcao, mesmo que ainda a nao ideal (sera que existe uma?)sempre foi informar meus fihos, logicamente adequando a mensagem a idade deles. Durante o banho, ou so supervisionando a troca de roupa, sempre informei, alertei, avisei, e o principal, sempre disse que eles, se se houvesse algo, poderiam vir falar para mim sem vergonha e sem medo, mesmo se sofressem ameacas. Este talvez seja o pior: a crianca que sofre algo, mas nao conta por medo de ser recriminada, e a atitude continuar sem que ela nao tenha nenhuma protecao.
Hoje meus filhos tem 16 e 12 anos, e mesmo assim, o alerta continua.
E que Deus proteja nossas criancas, sempre.

Loja Primeira Idade said...

Olá..sempre passo por aqui mas nunca fiz algum comentário..acho muito legal as dicas que vc nos dá..parabéns pelo blog...
Bjs
Ana Beatriz
www.primeiraidade.com.br- site on line

Related Posts with Thumbnails